domingo, 8 de novembro de 2009

Os riscos da simpatectomia: a sudorese compensatória

Primeiramente, gostaria de agradecer às visitas e aos emails que tenho recebido. Muito obrigada! Espero continuar ajudando as pessoas que sofrem com a Hiperidrose a ter uma melhor qualidade de vida.

Está pensando em fazer a simpatectomia (cirurgia para a "cura" da Hiperidrose)? Aqui vai algo que você precisa saber.

De forma simples, a simpatectomia por vídeo realizada atualmente consiste em pequenas incisões no tórax por onde uma câmera é inserida e, com o auxílio desta, são cortados  ou clipados determinados nervos que são os responsáveis pelo suor excessivo.
De acordo com o local onde paciente sua excessivamente, um nervo específico deve ser anulado. Isso significa que, teoricamente, tal local nunca mais vai apresentar suor, pois o nervo foi cortado. Porém, o suor muitas vezes cessa não só naquela área desejada, mas numa área maior do corpo.



O problema da Hiperidrose naquele local será sanado. Entretanto, o que acontece é que o suor em outras partes do corpo aumenta para compensar a falta de suor naquela área que ficou seca. Essa é a compensatória, que pode ser leve e não incomodar o paciente, ou então pode ser severa, fazendo o paciente se arrepender do procedimento cirúrgico praticamente irreversível.

Vou citar a pesquisa publicada na Revista da Associação Médica Brasileira de Setembro de 2007, que encontrei no Scielo (Scientific Eletronic Library Online), entitulada:



Clique no título acima para ler o artigo completo. Aqui, reproduzirei os parágrafos finais:


A sudorese compensatória ocorreu em quase todos os pacientes (97,2% no grupo T2 e 96% no T3), sendo que esta diferença discreta entre os dois níveis não foi significativa. Analisando o desfecho, segundo a intensidade, observou-se que a sudorese compensatória foi moderada a importante em 45% dos pacientes cujo nível da realização da simpatectomia foi em T2 e, em 19%, no nível T3. A redução de risco absoluto (RRA) de 26% (IC95% 21,5 a 30,5) obtida com a intervenção em nível de T3 pode ser traduzida como sendo necessário tratar quatro pacientes para se obter um benefício quando comparado à intervenção em nível T2 (IC95% 3 a 5).
Diante do exposto, pode-se afirmar que a sudorese compensatória é um efeito adverso freqüente que faz parte do resultado pós-operatório da simpatectomia no tratamento da hiperhidrose. Os pacientes devem ser orientados quanto à certeza dessa manifestação clínica, em que, no melhor cenário, de cada cinco pacientes operados, um evoluirá com sudorese moderada ou importante, que por sua vez é mais freqüentemente observada quando a simpatectomia é realizada em nível de T2, quando comparada a T3. Deve-se esperar, ainda, que os instrumentos de avaliação de qualidade de vida, centro da expressão do benefício, incluam, de maneira destacada e adequada, a avaliação da sudorese compensatória, sobretudo nas formas moderada e importante. 

Bem, aí está um fato. A cirurgia significa uma sudorese comensatória, pois o corpo precisa manter sua regulação de temperatura. A questão é: desenvolverei ou não uma compensatória severa? Os estudos mostram que cortar o nervo T2 é quase que pedir para ter uma compensatória severa. Ele pode ser seccionado principalmente para os casos de palmar ou crânio-facial. Devido a isto, atualmente, face a estas constatações, os médicos evitam seccionar o T2. Porém, mesmo sem seccionar o nervo T2, ainda sim existe o risco do paciente apresentar compensatória severa.

No próximo post, falarei sobre outro estudo sobre a Simpatectomia, que mostra a tentativa dos médicos em reduzir a compensatória e os dados obtidos, e o que de mais atual se tem realizado neste procedimento para tentar evitar ao máximo a compensatória, também chamada hiperidrose reflexa.

Para uma coisa também se deve atentar: os estudos que existem acerca do tema são poucos, e os que existem não se mostram completos ou totalmente imparciais.



Por tais razões que sempre considerarei a cirurgia como último recurso, realizado somente se nenhum outro método paliativo deu certo. É muito triste ver os relatos de quem sofre com isso e diz "se eu soubesse do Driclor antes de fazer a cirurgia....".

Como comentei no primeiro post do blog, há alguns anos atrás tomei a decisão equivocada de me submeter à simpatectomia. Pesquisei médicos, preços, como funcionaria a cirurgia... Mas quando me deparei com a chance de tudo dar errado parei para refletir: Será que vale a pena? Em qualquer procedimento cirúrgico aliás, existem riscos. Estaria lidando com os riscos normais de uma cirurgia além dos riscos pós-cirúrgicos. Foi então que resolvi esperar mais e não fazer nada correndo. Comecei a pesquisar e pesquisar e a ler tudo sobre o assunto, fóruns internacionais, nacionais, tudo que eu podia. E foi então que descobri o Driclor e resolvi o meu problema de uma forma muito mais simples, barata e sem riscos.

Até o próximo post!
isabel.borges@globo.com

29 comentários:

anna disse...

Bem !! estou aqui p deixar meu depoimento.
Eu tinha hiperidrose nas axilas desde os 12 anos, minha vida era um tormento, pois so podia usar roupas branca ou preta, molhava muito, não conseguia abraçar ninguém de verdade, pois tinha medo que alguém sentisse o molhado na minha blusa, era um tormento. Ate que a 1 mês atrás em uma das inúmeras pesquisas que fazia na net encontrei o blog de ISABEL, conversei com ela por e-mail, tirei todas as dúvidas por e-mail, e fiz a compra. ISABEL sempre formidável respondendo os e-mail em tempo hábil, e com toda paciência do mundo. O DRICLOR chegou e usei, no 1 dia ardeu muito, mas como todos sabem é um corpo estranho no na pele, mas já no 2 dia ardeu menos, ficou um pouco irritado , mas nada que me incomodasse . PESSOAL, acreditem!! Estou secaaaaaaaaaaaaa, sem nenhuma gota de suor, já ate comprei um vestido azul. MINHA VIDA ESTA OUTRAAAAAAAAAAAAAAAAA. OBRIGADA ISABEL PELO APOIO.

BJSSSSSSSSS

charada disse...

Olá, faz uns 3 meses que realizei a cirurgia de nome simpatectomia, pois me incomodava muito o Suor ecessivo nas mãos e axilas ( Alem dos pés e face) porem depois da cirugia concluida, percebi que começou a suor em lugares onde antes nao suavam, como Costas e nuca, e isso esta me aguniando, tem dias que parece que tomei um banho. os pontos positivos da cirurgia foi que as minhas axilas nunca mais suaram nada, ja as minhas mãos pararam cerca de 40%, e isso que me assusta ja que a cirurgia feita tem como finalidade nesta região. Gostaria de saber se estou sofrendo de uma cirurgia mal feita, ou se com o tempo isto passará? Muito obrigado pela compreensão. Deixarei meu email, caso queire entrar em contato. omano_fe@hotamil.com

Isabel disse...

Anna! Obrigada pelo depoimento, querida!!!
Fico mto feliz por vc!!

charada: possivelmente a cirurgia não foi mal feita, é que ela é assim mesmo... ocorre a sudorese compensatória, ou seja, vc passa a suar (e por vezes de forma muito mais forte) em outros lugares que antes não suava.

Por isso antes de fazer a cirurgia deve-se tentar todos os outros tratamentos disponíveis, simpatectomia deve ser vista como última opção, pois é a mais arriscada de todas!!

Luiz Fernando disse...

Boa noite pessoal!

Depois de mais de 10 anos usando só roupas pretas e brancas, mesmo assim as pretas as vezes ficavam com marca de creme que eu passava nas axilas, entrei de férias em julho de 2010 e comecei a pesquisar sobre a simpatectomia.As vezes criava coragem para fazer devido ao transtorno pela hiperidrose, mas logo desistia porque tinha medo de morrer na cirurgia ou ficar com compensatória avançada, bem pior.
Encontrei em uma das pesquisas o site da Isabel e comprei o Driclor , mas comprei com outra vendedora.
comecei a usar no sábado 31/07/2010 , no domingo já coloquei uma cam,iseta azul para ver o resultado, e nada de suar.
Hoje 02/08/2010 trabalhei até as 18:00 e novamente com axilas secas.
Acho que estou sonhando.
Obrigado Deus por me ajudar ...pois me deu uma solução que não fosse a cirugia.
Esse Driclor funciona mesmo..parece milagre..Só felicidadeeeeeeeeeeeee!

JULIANNA SOARES disse...

Eu fiz uma simpatectomia torácica aos 17 anos, quando a doença começou a me incomodar muito. Meu caso era palmar, axilar e plantar.
Hoje, com 25 anos, tenho mãos e axilas sequinhas. Claro que desenvolvi hiperidrose compensatória (costas, peito e coxas), mas é muito melhor assim, minha vida é outra, eu nem importo, só troco de roupa e sigo em frente.
O caso é que não me curei da hiperidrose plantar na primeira cirurgia, o que é perfeitamente comum. Agora, estou prestes a fazer uma simpatectomia lombar, que é recomendada para quem já fez a torácica e continuou com o problema nos pés. Para saber mais, visite: http://suornospes.com.br/. Este site é demais.
Não vejo a hora de poder usar sandálias e chinelos.
Recorri a cirurgia pois já gasto muito com tratamento para outras doenças que possuo (+4), e não tenho condições de tratar-me com produtos ou botox.
Essa é minha história e eu, sem dúvida, recomendo a cirurgia. Se você tem plano de saúde não gasta nada e quando acorda já está sequinho para sempre. Sem cheiro ruim, sem micoses, sem vergonha e sem tempo e dinheiro gastos passando produtos e comprando roupas que disfarçem.

Anônimo disse...

Ola Isabel , bom dia eu ja fiz a cirgurgia onde obtive melhora de 100% na hiperidrose palmar e nos pes ainda continua a suar e muito o q me encomoda bastante pois morro de vontade de usar sandalias a detalhe tenho a hiperidrose compensatoria nas costas,peito e coxas.Vc ja fez a simpatectomia lombar,e qual foi o resultado nao piorou a sua compensatoria tenho medo disso..

Anônimo disse...

isabel,tem como voce me explikr mais sobre esse produto,o driclor.Estou começando q me sentir incomodado com isso,nao levanto os praços pra nada,quero arrumar uma namorada,mas é dificil quando voce nao pode abraçar do jeito q você quer ou quando você nao pode por o braço sobre os ombors dela,é complicado,gostaria de resolver esse problema o mais rapido possivel.
se possivel me passa teu email
pra tirar qualquer duvida
abraços
boa noite

Anônimo disse...

Olá Isabel, ainda não fiz a cirurgia da hiperidrose, mas pretendo fazer ja que consegui no hospital das clínicas.
Gostaria de saber mais sobre esse desodorante driclor....
Voce não acha q a cirurgia é mais definitiva?
Aqui esta o meu email caso queira falar comigo:
pamela_h-ta@hotmail.com
bj

Anônimo disse...

Olá Isabel, fiz a simpatectomia torácica, pois sofria de hiperidrose nas axilas, contudo desenvolvi a hiperidrose compensatória severa no abdomem, coxas e costas! Não fez nem um mês da cirurgia, será que existe a possibilidade de diminuir a intensidade com o passar do tempo?

Anônimo disse...

FIZ 2 SIMPATECTOMIA PARA RETIRAR O SUOR DO ROSTO, MAS AGORA TENHO SUDORESE COMPENSATORIA NA BARRIGA E COSTAS E NÃO TENHO COMO REVERTER A CIRURGIA QUE JÁ TEM TEMPO!JÁ PROCUREI NEUROLOGISTA,DERMATOLOGISTA,PSIQUIATRA,CIRURGIÃO DE TORAX E NADA ADIANTOU!ESTOU EM DEPRESSÃO,VOU TENTAR USAR ESSE DRICLOR!ME AJUDEM!?
RENANBDEMATTOS@YAHOO.COM.BR

Anônimo disse...

Boa noite Isabel! Gostaria de saber como, onde comprar e quanto custa o Driclor. Se puder, me envie informações como adquiri-lo. Sou mineiro de Belo Horizonte. Meu e-mail é jsantana_adm@yahoo.com.br. Obrigado!!!

Anônimo disse...

COMO FALEI ACIMA FIZ 2 SIMPATECTOMIA PARA RETIRAR O SUOR DO ROSTO, MAS AGORA TENHO SUDORESE COMPENSATORIA!PASSEI O ODABAN NAS COSTAS E BARRIGA E HJ DIA 21/01 NÃO TRANSPIRO MAIS NESSES LUGARES, E UM MILAGREEEEEEEE!!!HJ E O DIA MAIS FELIZ DA MINHA VIda!usem o odaban ou driclor funciona msm!obs: não façam simpatectomia
obrigado

Anônimo disse...

Oi,Tenho hiperidrose palmar,axilar e plantar consegui vaga no hospital das clinicas e vou fazer a simpatectomia mais fico com medo do suor conpensatório o que devo fazer?e DRICLOR funciona mesmo? gostaria como posso conseguir...qualquer coisa me informem meu msn:honorato-15@hotmail.com
abraços

Diego Lima disse...

Olá,

Suava absurdamente nas mãos até 2008 quando em 2008 fiz a simpatectomia, tenho muita compensatória nas costas, abdômen e coxas.

NÃO ME ARREPENDO DE TER FEITO A CIRURGIA, pois o meu suor nas mãos era muito constrangedor pra mim, mas tenho que administrar bem a compensatória que é certa, a minha dica é que só faça a cirurgia se sua sudorese for insuportável.

Até +

Anônimo disse...

Olá,
Sofro com suor excessivo nas mãos e nos pés, fiz aplicação de toxina botulinica, mas não adiantou nada, gostaria de saber se no meu caso o Driclor resolveria? outra coisa, sou diabética será que tem alguma contra indicação nesse caso?
Estou aguardando sua resposta,desde já agradeço.

Anônimo disse...

Eu fiz a cirurgia faz 1 ano e 3 meses e estou arrependido! Pensem bem, antes de fazerem!! A minha era somente nas axilas, segundo o médico "bem simples", e após um ano da cirurgia comecei a transpirar novamente em uma das axilas e a hiperhidrose compensatória foi uma merda!! ficou pior e muito mais agressiva! Passo o dia inteiro com as camisetas encharcadas... já tomei Retemic, funciona! Só que tem vários efeitos colaterais e com o tempo tempo que tem aumentar a dose... é péssimo!! Pensem bem para não se arrepederem!! Se eu pudesse voltar atrás...

Anônimo disse...

Fiz simpatectomia faz 3 meses, adorei e nao me arrependo. O suor compensatorio foi bem leve.
O importante é que eu eliminei 100% do suor que eu tinha nas axilas e mãos. Mas, infelizmente, faz uns 5 dias que uma das axilas esta começando a suar de novo, nao com a mesma intensidade, mas esta encomodando. Essa volta do suor é normal? Ou preciso entrar em contato novamente com o médico?

Obrigada

Evinha disse...

Olá Pessoal !

Tenho consulta marcada com uma cirurgiã torácica e tirarei todas as minhas dúvidas, mais confesso que estou determinada em realizar a cirurgia, minhas roupas são descartáveis, não posso uma usar de novo pois o mal cheiro fica empregnado na roupa, já não aguento mais.
Comprei um novo desodorante da Rexona o Clinical que manteve as minhas axilas secas na 1ª vez de uso já na 2ª não funcionou tão bem.
Estou como todos fazendo diversas pesquisas na internet, captando novas informações e elaborando as minhas perguntas a medica na consulta.
Sinto que meus dedos suam um pouco e quando esta muito quente, suo na barriga, virilha, entre os seios, para mim até ai normal, mais nas axilas é onde me incomoda muito mais devido o mau cheiro e a umidez, é um transtorno as vezes mesmo em ambiente com ar condicionado eu continuo suando e levantar os braços nem pensar...Evito pegar metro, volto do trabalho de onibus que eu pego vazio e vou sentada, assim ninguem sentirá o mau cheiro apesar que as vezes fico cismada achando que as pessoas estão "sentindo" esse meu problema.

*Isabel, lhe enviei um e-mail e fico aguardando seu retorno.

Obrigada e boa sorte a todos.

Anônimo disse...

Boa noite, fiz também a simpatectomia 2 vezes a ultima foi no dia 05 de dezembro de 2010, me arrependo amargamente pois o compensatório é muito pior, meu problema era axilar e hoje atingi costas barriga pernas enfim as vezes até parece que fiz xixi na roupa, minha calça e camisa vivem molhadas....mas minha mulher descobriu ontém esse desodorante DRICLOR, e eu já corri e comprei, espero que assim como foi bom para muita gente sejá para mim também....certemente o DRICLOR chegará na próxima semana e eu terei o enorme prazer em voltar aqui e dar meu depoimento do quanto esse produto é eficaz!!!um abraço á todos...

andre_lrs81@yahoo.com.br

Anônimo disse...

gente eu naum recomendo fazer essa cirurgia pois essa tal compensatória é triste eu tinha só nas axilas dpois ki fiz afff DEUS me livre suor nas costas ii torax sem contar ki minhas axilas continuam suando ainda afffff ki arrrependimeto bem enfim eu naum aconselho mesmooo

Anônimo disse...

Boa noite Isabel!
Gostaria de saber valor e como faço para comprar.
soo_rodrigues@hotmail.com
Aguardo restorno


Obrigada!!!

Anônimo disse...

Olá Isabel
Meu nome é Carla e tenho hiperidrose desde criança. Isso me incomodava muito pq tinha somente nas mãos e pés, então resolvi fazer a cirurgia e pra mim foi muito ruim. Deixei realmente de suar as mãos, os pés continuaram suando e o meu corpo todo. O suor começa desde os seios e vai até os pés. Fico muito constrangida pq minhas roupas molham muito chego até a torcer é horrível,pois moro em uma região bastante quente. Eu não suava o corpo somente pés e mãos e o médico não me falou que poderia sair em outro lugar. Izabel as vezes deixo de sair por causa desse suor. Me ajude por favor.Há sem contar que não consigo usar roupa de tecido pq elas ficam marcadas parece até que fiz xixi só uso roupas jeans Bjs

Anônimo disse...

MEU EMAIL dinnamoreira@yahoo.com.br
aguardo preço e prazo para entrega.

Tatiane Camargo disse...

Olá, tenho hiperidrose palmar e plantar! realmente notei, que quem tem a hiperidrose nas axilas se arrependeram na cirugia, porém que tem hiperidrose palmar e plantar como eu não houve tanto arrependimento, pois a hiperidrose nas mãos somem definitivamente! Esse Driclor posso usar nas mãos? estou pensando em fazer a cirurgia, oque acham? abraços.

Wallison disse...

Olá Isabel, eu sofro de hiperhidrose nas axilas e me sinto muito constrangido todos os dias.minha familia não sabe que é uma doença e nao me entende, minha namorada já percebeu que eu transpiro muito, eu só uso roupas pretas ou brancas, já estava até pensando que não tinha cura,mas encontrei você.POR FAVOR, ME AJUDE
Meu e-mail é almeida.wallison1@hotmail.com
me responda o mais rapido possivel

Luiz disse...

Interessante, vou realizar a minha simpatectomia na sexta feira dia 06.01.2012.
Acredito, pelas pessoas que conversei que realizaram a cirurgia, que a MINORIA absoluta tem problemas que as façam se arrepender da cirurgia.
Acabei achando esse forum/site quando procurava o que cada ganglio era responsável por qual parte do corpo (T2, T3 e T4).
Uma coisa é fato, creio que 90% das pessoas que entram nesse tipo de forum é porque a cirurgia não obteve o êxito esperado, afinal, todos que eu conversei, os quais estão satisfeitos com a cirurgia, não entraram escrever em foruns quaisquer, ou seja, só entra "reclamar" e fazer propaganda desse produto quem não obteve êxito na cirurgia!!!
Acho que conversar com médicos sérios e capacitados é a melhor coisa, prometo que voltarei para postar o resultado.
Voltarei, contudo, caso esse comentário seja publicado, porque caso não seja, vai ficar notório que é uma jogada de marketing para vender o tal "driclor", que sinceramente não conheço e não posso opinar. Sempre tive esse problema (hiperidrose palmar desde os 8 anos de idade) e espero que com a simpatectomia seja resolvido.

Anônimo disse...

Luiz,boa sorte em sua cirurgia, entretanto este produto DRICLOR é mt bom,uso ele a 6meses e mudei de vida, gostaria de mostrar a todas as pessoas q sofrem com a hiperhidrose pq ele devolve a dignidade as pessoas, é verdade! Estava desesperada, não saia mais de casa,não me relacionava com as pessoas, estava numa depressão, num poço quando encontrei esse blog e vislumbrei no Driclor a esperança e ele atendeu as minhas expextativas, sem contar que uma simpatectomia não é assim tão acessível, e neste sentido o driclor vem como uma alternativa barata pra tratar esse mal da hiperhidrose, claro vc se torna depedente do produto, mas usando 3x por semana ta td certo. Espero q sua simpactomia seja bem sucedida e retorne para postar sua felicidade com sua realização.

Evinha disse...

Oi pessoal, boa tarde!
Eu deixei o meu comentário no dia 21/04/2011.

Pois bem, fiz a minha cirugia ontem e imediatamente após o efeito da anestesia, sinto minhas maos e axilas super seca, a cirurgia durou 3 horas oo inves de 1h, a medica foi super atenciosa e profissional, tomou todos os cuidados possiveis, acabei de ter alta cheguei em casa tem uns 30 min, estou me sentindo super bem e feliz, um pouco de dor por causa dos gases (falei muito no hospital).

um detalhe, um outro paciente da minha medica fez a cirurgia no mesmo dia que eu e ele teve imediatamente a compensatória na pernas e costas.
Acho que depende de cada pessoa, eu não me arrependo.

Abraços a todos.

ivan ramos disse...

bom dia Isabel,tenho 30 anos e fiz a simpatectomia torácica há três anos,o suor compensatório começou a apareçer nas costas e abdômen, isso vem me incomodando. A alimentação teria alguma influência em relação esse suor, pois bebo muito refrigerante, água com gás e como quase que diáriamente massa.

Postar um comentário